Desenvolvimento Humano &

Consciência Sistémica

 

Consultoria Sistémica

A consultoria sistémica surge da perspetiva que analisa as situações sob a ótica das “leis inconscientes” que regem as relações humanas.

Coaching Sistémico

Processo de desenvolvimento humano que potencia a ação e a transformação da pessoa nas suas múltiplas dimensões.

Mediação Sistémica

As relações humanas estão baseados no Amor. O Amor por si só não é suficiente é necessário ordem.

O Affectum que transforma!

Com Affectum….

Ao longo da nossa existência tendemos a querer saber mais sobre nós, a Vida e o Mundo. Esta curiosidade move e fomenta esta expansão de consciência.

Por vezes, neste caminhar expansivo, deparamo-nos com situações que fogem à nossa compreensão mais consciente e racional. Esta dimensão, mais consciente, é aquela que está alinhada com os princípios e os valores que recebemos na nossa família. Aqui formamos a nossa consciência individual, a qual nos inocenta ou culpa e nos mantém interligados ao nosso sistema familiar.

Nesses passos em busca da nossa expansão, temos contacto com alguns conflitos/situações que estão no nosso inconsciente que requerem uma compreensão mais ampla e profunda. Para se alcançar essa profundidade necessitamos aceder à consciência sistémica, na qual circula toda a informação inconsciente da nossa família. Aceder a esta consciência é ampliar a perceção sobre um determinado conflito e/ou situação e ter uma visão transgeracional que nos permite chegar à sua origem.

A consciência humana é infinita! Realizar processos/intervenções com Affectum é ir ao infinito! É olhar além do aparente! É reconhecer a profundidade de cada pessoa! É transformar limitações em possibilidades! É trazer harmonia às relações humanas! É impulsionar a expansão da consciência!

“Só o imperfeito pode evoluir. O perfeito já se estagnou, cristalizou-se. Portanto, só o imperfeito tem futuro.”

Bert Hellinger

Áreas de Intervenção

Dificuldade nas relações

Saber Mais

Por natureza somos ser relacionais e sociais. Por vezes, estabelecer relação com o outro acarreta determinados desafios: timidez, vergonha, dificuldade de interação e comunicação e até de criação de vínculos, quer sejam de amizade ou amorosos.  Olhar para estes sintomas é o caminho a realizar para se chegar ao lugar do bem-estar na relação com o outro.

Desavenças Familiares

Saber Mais

Quando nascemos queremos muito ser aceites pela nossa família e fazemos tudo para pertencer! À medida que crescemos as divergências familiares podem estar presentes, algumas das quais sem compreendermos as razões aparentes. Compreender a causa raiz das desavenças, através da perspetiva sistémica, é trazer à luz a raiz da situação e caminhar para uma resolução apaziguadora.

Desafios da Adolescência

Saber Mais

A adolescência é reconhecida como a fase do desafio, quer para quem está a vivenciar o processo quer para quem convive com o mesmo. Esta fase de transição e descoberta, não raras vezes, leva a dificuldades de relacionamento entre pais e filhos. Nestas situações é importante intervir por forma minimizar o impacto e a fortalecer vínculos de autoconfiança e pertença.

Crise Conjugal

Saber Mais

Ser casal é ser parte de um partilhar comum! À medida que a relação de casal se aprofunda ocorre, em simultâneo, a evolução de cada ser individual. Deste processo natural e do que cada um traz do seu sistema familiar, podem advir dificuldades de comunicação; incompatibilidades; incompreensão e desgaste. Obter orientação, através da partilha e do diálogo, facilita a compreensão e amplia possibilidades.

Infidelidade Conjugal

Saber Mais

A infidelidade conjugal assinala um momento de quebra na relação a dois. Sendo uma situação dolorosa para as duas partes, há quem considere difícil superar essa quebra e quem a veja como uma oportunidade para o renascer da relação. Independentemente da perspetiva, emerge a instabilidade emocional e a necessidade de analisar e avaliar qual o caminho a tomar. 

Síndrome do “Ninho Vazio":

Saber Mais

A vida é constituída por ciclos, sendo um deles a saída dos filhos da casa dos pais. Quando os filhos nascem, passam a ser o foco dos seus pais e a sua saída deixa a sensação de “ninho vazio, de ausência de objetivos. Isto pode gerar melancolia, apatia, tristeza, levando à necessidade de (re)siginificar o papel do indivíduo e a dinâmica do casal.  

Novo Sistema Familiar

Saber Mais

Ao longo da nossa existência a adaptação é uma constante. No entanto, existem situações como: casais que têm o primeiro filho; divórcio ou separação; adoção; constituição de um novo sistema familiar no qual cada uma das partes tem os seus filhos; ou ainda, a alienação parental; que requerem uma maior capacidade de adaptação e apoio.

Insegurança na Mudança

Saber Mais

A mudança, por ser desconhecida, gera desconforto. Este, muitas vezes, manifesta-se em ansiedade, dúvida, incerteza, indecisão, baixa autoestima, questionamento sobre as próprias competências e valor. Tudo isto leva à entrada numa espiral emocional que acaba por causar entropia no processo de mudança. Ter acompanhamento nestes processos cria compromisso e aumenta as probabilidades de sucesso.  

Luto

Saber Mais

A perda de alguém que nos é próximo, seja qual for o processo associado, remete-nos para um estado de tristeza, dor, sofrimento e vazio. Nestes momentos é importante o respeito por nós mesmos, a permissão de sentir e vivenciar essa perda. É igualmente importante ir dando passos, no tempo de cada um, para que essa perda seja apaziguada e fique guardada da melhor forma, possível, no nosso ser.

Consciência sistémica

A consciência sistémica, preconizada por Bert Hellinger, mostra-nos que cada pessoa faz parte de algo muito maior que o nosso olhar não alcança. Esse algo maior integra um conjunto de informação inconsciente. Esta informação flui em cada sistema (familiar, organizacional, social,…) e habita em cada pessoa que o integra.

Para aceder a essa informação é necessário um olhar sistémico!

Este olhar é singular e profundo, já que nasce de cada pessoa, situação e/ou organização. Uma mesma situação, é sempre olhada de formas e perspetivas diferentes, pois os seus intervenientes também são diferentes. Vêm de contextos pessoais, familiares e sociais distintos. É aqui que o olhar sistémico quer chegar. Ele busca compreender o que está para além do visível. Procura trazer à consciência aquilo que está no inconsciente, totalmente isento de expectativas ou julgamentos. Neste olhar, o indivíduo é convidado a  tomar o lugar do outro para mostrar a “verdade sistémica” de determinada situação, com o objetivo máximo de trazer a harmonia e ampliar as possibilidades de uma situação e/ou relação.

Sintetizando, cada situação/pessoa é observada atendendo ao contexto no qual se desenvolveu; aos valores no qual se fortaleceu; às crenças nas quais se enraizou; desde a sua criação até ao momento atual, nas suas diferentes dimensões e sistemas.

As consultas com a Paula Viana mostraram-me uma visão inovadora sobre os assuntos que os considerava de mediação clássica e estática! Permitiram-me observar com um novo olhar sobre os assuntos familiares e sobre a vida quotidiana.

Joana Lopes

“Na primeira consulta a Sofia, explicou-me que a vida nos mostra vários caminhos e que quem os escolhe somos nós. Não podemos mudar o passado, mas podemos construir o futuro. (…) E hoje estou feliz por ter conseguido reconhecer os erros do passado e ter seguido a minha vida, certo de que mereço ser feliz!”

Américo Ferreira

“Em todas as vias de ajuda ao outro em que tive o privilégio de ver a Patrícia atuar há não só um ganho imediato ao nível do bem-estar, equilíbrio, tomada de consciência por parte de quem a procura, mas também um trabalho com efeito a médio e longo prazo e com um profundo impacto positivo na melhoria de vida das pessoas.”

Luísa Machado dos Santos

“A minha participação no programa Affectum contribuiu para o despertar da consciência individual! Com a melhoria do bem-estar biopsicológico e do equilíbrio entre as dimensões do cuidar intelectual e emocional (…).”

Sílvia Moreira

Conversa Comigo!

Estou disponível para esclarecer qualquer questão e apoiar à transformação com Affectum.

Proteção de Dados

(+351) 915 270 270

Avenida 31 de Janeiro, n. 270 4710-452 Braga

bemvindo@affectum.pt